Modelos de galpões para o agronegócio

capa modelo de galpão para agronegócio

  |   por

O uso de galpões no agronegócio se tornou algo indispensável. Se sua empresa não possui um local específico e adequado…

O uso de galpões no agronegócio se tornou algo indispensável. Se sua empresa não possui um local específico e adequado para estocar mercadoria, provavelmente você terá que enfrentar desafios de logística e adaptações que serão prejudiciais a longo prazo. Por isso, decidimos separar alguns modelos de galpões bastante usados no setor do agronegócio que podem ser a solução dos seus problemas. Acompanhe até o final.

Principais modelos de galpões para o agronegócio

A princípio, como já comentamos em outros blogs, a escolha da estrutura de um galpão ideal dependerá de diversos fatores como: finalidade do galpão, tipo de solo, topografia do terreno, localização do galpão a ser implantado, pé direito necessário para a operação, vão livre necessário, qual carga cada nível do galpão terá que suportar, entre outros. Pode parecer muita coisa, mas estamos aqui para te ajudar com todos esses pontos.

Pensando nas diversas possibilidades, separamos alguns modelos comuns no setor agrícola:

1 – Galpões para armazenamento de fertilizantes

modelo de galpão para o agronegócio, pensado para guardar fertilizantes
Fonte: Google Imagens
galpão com grãos
Fonte: Google Imagens

Um bom produtor sabe que armazenar os fertilizantes de forma correta é algo essencial. Infelizmente, ainda é comum que esses produtos sejam estocados em qualquer espaço, sem os cuidados necessários para garantir sua qualidade e evitar possíveis acidentes. 

Acontece que, sem um galpão adequado para o armazenamento desses fertilizantes, você corre o risco não só de perder a qualidade do produto, como também de causar acidentes graves provocados pelo desabamento de pilhas, pelo aquecimento das mercadorias e até mesmo pelo contato entre materiais que não podem ser estocados no mesmo ambiente.

Pensando nisso, o galpão ideal para esse tipo de armazenamento precisa atender algumas exigências, como por exemplo:

  • Ser construído com materiais não inflamáveis; 
  • Possuir instalações de ventilação, para manter o ambiente arejado;
  • Ter um piso nivelado a seco

Além disso, é importante manter a temperatura do galpão entre 5ºC e 30ºC para proteger as características originais dos fertilizantes. Por fim, é recomendado que os sacos nunca sejam deixados no chão, mas sim empilhados em paletes.

2 – Galpões para armazenamento de máquinas e equipamentos

galpão para o agronegócio pensado para armazenamento de máquinas e equipamentos
Fonte: Unsplash

Assim como os galpões para fertilizantes, um galpão para armazenamento de máquinas e equipamentos também precisa ter algumas características específicas, como:

  • Iluminação e ventilação adequada;
  • Espaço suficiente para a movimentação dos itens e equipamentos armazenados, sem prejuízos aos outros objetos ou danos aos frequentadores do local;
  • Piso resistente ao peso dos maquinários;
  • Sistema de alarme de incêndio.

3 – Galpões para armazenamento de grãos

galpão em arco para armazenamento de grãos
Fonte: Unsplash

Já sabemos a importância de garantir o controle de qualidade dos alimentos e das matérias-primas. Estar atento quanto a durabilidade, prevenir riscos de contaminação e evitar a degradação do estoque são passos fundamentais para quem armazena grãos. 

De acordo com um levantamento da safra de grãos feito pela Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) em 2020, a produção brasileira teve um crescimento de 1,6%, totalizando em aproximadamente 245,8 milhões de toneladas de grãos produzidos durante o ano. Dessa forma, podemos concordar que os galpões para armazenamento de grãos são  construções fundamentais para os produtores. 

Esse modelo de galpão para o agronegócio é construído com uma estrutura metálica e aço carbono, ou seja, um material impermeável e resistente ao fogo e a fortes cargas de vento, o que irá proteger os grão, impedindo que eles saiam do lugar. Além disso, ele pode ter variações de altura, largura e outras dimensões, tudo de acordo com sua principal necessidade. 

Além disso, vale lembrar que temos algumas tendências nos métodos de construção de galpões. Como por exemplo, galpão metálico pré-fabricado, galpão de concreto pré-moldado, estrutura mista (a cobertura do galpão é feita com telhados em materiais metálicos), fechamento lateral (tilt-up), proteção contra incêndio e métodos focados em sustentabilidade.  

E então, ainda tem dúvidas sobre qual tipo de galpão é o ideal para o seu negócio? Aqui na Amplus trabalhamos com a construção de vários galpões, como é o caso do Galpão J. Assy e do Galpão Peixoto. Se deseja construir, entre em contato com a gente. Podemos conversar sobre seu projeto e juntos chegaremos na solução mais adequada para atender sua necessidade. Estamos esperando por você!